Top 10 ações melhores pagadoras de dividendos em 2021

Quer saber quais foram as melhores pagadoras de dividendos da bolsa? Confira o levantamento realizado pelo Gorila no 1º semestre de 2021.
melhores pagadoras de dividendos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Quem não gosta de investir e receber dividendos que pingam na sua conta de vez em quando? O Gorila fez um levantamento para descobrir quais ações são as melhores pagadoras de dividendos no 1º semestre de 2021. Os papéis fazem parte do índice Ibovespa, sendo que os dados são referentes a 17 de junho. Curiosos? É só continuar a leitura para saber se alguma delas faz parte da sua carteira de investimentos.

Lembrando que dividendos são partes do lucro de uma empresa distribuídos entre seus acionistas. Ele é um dos grandes atrativos de quem investe em renda variável, sendo que o valor distribuído vai de acordo com a quantidade de papéis que você possui. Além disso, os valores recebidos em um ano não necessariamente se repetem no ano seguinte, visto que dependem do resultado das empresas. 

Vale dizer que através do Gorila você acompanha os eventos corporativos, como pagamento de dividendos e JSCP (juros sobre capital próprio), de um jeito simples e organizado num só lugar. 

melhores pagadoras de dividendos: acompanhe os proventos no app do Gorila
Ferramenta Eventos da Carteira no Gorila mostra os proventos das ações, quantidade, valor e data de pagamento de cada um deles

Quais são os tipos de proventos?

Além dos dividendos, as empresas também podem distribuir seu lucro aos acionistas através dos Juros Sobre Capital Próprio (JSCP). A diferença é que esse tipo de provento é considerado uma despesa para a companhia e o investidor tem descontado 15% de Imposto de Renda diretamente sobre o valor recebido.

Os dividendos não são tributados, porém há discussão em jogo. Saiba mais lendo o artigo que fizemos sobre a tributação de dividendos

Os proventos ainda podem ser distribuídos através de bonificações e direitos de subscrição. Confira o artigo sobre eventos corporativos para saber mais sobre como eles funcionam. 

Top 10 ações melhores pagadoras de dividendos do Ibovespa

O Gorila levantou, entre as empresas que compõem o Ibovespa (atualmente, 83 ativos de 80 empresas), quais foram as melhores pagadoras de dividendos, levando em consideração o Dividend Yield (DY), que mostra a relação entre os dividendos pagos e o valor de cada ação. 

Os dados estão relacionados aos valores que os clientes cadastrados em nossa plataforma receberam ao longo de 2021, somados dividendos e JSCP. Lembrando que só recebe os proventos quem deter o papel até a Data Com informada no comunicado da empresa. Após esse período, o investidor não tem direito.

Confira!

Melhores pagadoras de dividendos 2021

Fonte: Gorila
Dados referentes até 17/06/2021

1 – Copel (CPLE6)

Considerando os dados até 17 de junho, a Companhia Paranaense de Energia (CPLE6) é a melhor pagadora de dividendos do Ibovespa em 2021 com um Dividend Yield (DY) de 15,62%. 

Além disso, este mês, o Fitch Ratings elevou de ‘AA+(bra)’ para ‘AAA(bra)’ o Rating Nacional de Longo Prazo da Copel. Essa nota de crédito é a mais alta possível na escala da Fitch e a maior da história da Copel. 

2 – Taesa (TAEE11)

Os acionistas da Taesa (TAEE11), uma das maiores empresas brasileiras de transmissão de energia elétrica, figuram em segundo lugar do ranking, com um Dividend Yield de 13,48%. Em 2020, a Taesa liderava a lista com um DY de 9,58%. 

A Taesa é uma das queridinhas do investidor quando o assunto é dividendos, tanto que ela liderava a lista em 2020 com um DY de 9,58%. Outro ponto que pode favorecer o papel é o fato de que Cristiano Grangeiro, diretor de relações com investidores da Taesa, comentou que a companhia vai participar de todos os leilões para arrematar lotes de transmissão que sejam realizados no país. 

3 – Minerva Foods (BEEF3)

A Minerva Foods (BEEF3) foi outra empresa de destaque tendo um DY de 10,69%. Este ano, a companhia conseguiu habilitação total para exportar produtos cozidos e congelados aos Estados Unidos. Os alimentos serão fornecidos para o grupo global YUM! (KFC, Pizza Hut, Taco Bell e Wingstreet).

Neste mês, a Minerva Foods aprovou a homologação do aumento do capital social da empresa. O capital social passará dos atuais R$ 1.371.393.343,46, divididos em 549.629.035 ações ordinárias, para R$ 1.371.421.290,61, divididos em 549.634.220 papéis ordinários.

4 – Eletrobras (ELET6)

A ELET6 é conhecida pelo mercado financeiro como uma ação preferencial classe B. Quem tem esse papel na carteira não tem direito a voto nas assembleias gerais, porém recebe proventos, que em 2021 já totalizaram um Dividend Yield de 9,61%.  

Vale mencionar que os preços das ações disparam, no dia 18 de junho, após o Senado aprovar o texto-base da medida provisória (MP) que viabiliza a privatização da Eletrobras. 

5 – Eletrobras (ELET3)

Já as ações ordinárias da Eletrobras (ELET3), que são mais líquidas do que as preferenciais (ELET6) na B3, pagaram aos seus acionistas um DY equivalente a 8,66%.

A Eletrobras é a maior concessionária de energia da América Latina e representa cerca de 30% da capacidade de geração do Brasil e 45% da rede de transmissão no país.

6 – Bradespar (BRAP4)

Atuando no setor de investimentos, a Bradespar (BRAP4) foi fundada em 30 de março de 2000, quando desmembrou-se do Bradesco (BBDC4). Em 2021, a ação preferencial obteve um Dividend Yield de 8,13%, equivalente a R$ 2,71571737700 por papel. 

No 1º trimestre de 2021, a Bradespar apresentou lucro líquido de R$ 1,7 bilhão, ante resultado positivo de R$ 53,8 milhões registrado no final dos três primeiros meses de 2020. 

7 – VALE (VALE3)

Outra ação bem conhecida pelos investidores é a da mineradora Vale (VALE3), que figura na 7ª posição das melhores pagadoras de dividendos com um DY de 6,11%.  

Recentemente, a empresa informou que distribuirá aos seus acionistas R$ 2,17 de dividendos para quem tiver ações da companhia no dia 23 de junho. O pagamento acontece no dia 30 do mesmo mês. 

8 – Engie Brasil (EGIE3)

Mais uma representante do setor de energia se faz presente na lista de melhores pagadoras de dividendos em 2021. A Engie Brasil Energia é a maior geradora privada de energia do Brasil e pagou aos investidores 5,95% de DY. 

Somente no primeiro trimestre do ano (1t21), a Engie apresentou um lucro líquido de R$ 529,1 bilhão, uma alta de 3,3% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. 

9 – Banco do Brasil (BBAS3)

Apesar de ter um Dividend Yield de 5,80%, a agência de classificação de riscos Fitch reafirmou o rating BB- do Banco do Brasil (BBAS3), com perspectiva negativa.

O motivo seriam as constantes mudanças na alta administração do banco. Desde janeiro de 2019, houve três alterações no banco. Um fato positivo foi o aval do Banco Central (BC) para a incorporação da Bescval, uma antiga corretora do grupo sediada em Santa Catarina. 

10 – BB Seguridade (BBSE3)

Já as ações BB Seguridade (BBSE3) distribuíram ao longo do ano um Dividend Yield de   5,33%. A empresa viu o setor de seguridades ganhar um novo concorrente. No final de abril, a Caixa Seguridade (CXSE3) estreou na Bolsa, valendo cerca de R$ 29 bilhões. 

Diante desse cenário, ainda para 2021, o BB pretende lançar novos produtos para melhorar seus resultados financeiros, além de ampliar seus canais de distribuição e base de clientes. 

Para isso, foram criadas três metas: 1) aumentar a penetração de clientes entre os correntistas do Banco do Brasil; 2) aumentar o número e a qualidade da distribuição por meio de outros canais, e 3) realocar recursos de renda fixa para produtos mais cumulativos. 

Calculando o Dividend Yield 

Como saber se uma empresa paga bons dividendos? Basta fazer uma simples conta para achar o Dividend Yield. Ele mostra a relação entre os dividendos pagos e o valor de cada ação.

Vejamos a fórmula:

Dividend Yield (DY) = Dividendos pagos por ação / Valor da ação x 100

Agora vamos a um exemplo:

Imagine que o preço atual da ação ABCD3 seja R$ 30 e ela distribuiu R$ 1 de dividendo por ação. O DY será: 1 / 30 X 100 = 3,33%

Quanto maior o Dividend Yield, maior é o valor distribuído pela empresa, em relação ao valor que o acionista paga pela ação. 

Vale dizer que o DY varia de acordo com a oscilação dos preços das ações e também conforme o total de dividendos pagos no período. Dessa forma, se o preço da ação cair, o dividend yield irá subir. 

O que é Data Com e Data Ex?

Quando uma empresa vai distribuir proventos, como dividendos e JSCP, ela também informa a Data Com e Data Ex, sendo que o investidor deve ficar de olho, caso queira entrar naquele momento visando o recebimento dos dividendos. 

A Data Com representa o último dia que o acionista deve ter posição na empresa para poder ter o direito. Já a Data Ex, também conhecida como “ex-dividendos”, é o dia útil seguinte à Data Com e é a data a partir da qual todo investidor que comprar a ação não terá direito a receber o provento anunciado. 

Vale dizer que a data de pagamento pode acontecer no mesmo mês ou se estender por um período maior. Como citamos acima, quem tinha ações da CMIG4 até o dia 23 de dezembro de 2019 só foi receber os juros sobre capital próprio no dia 30 de dezembro de 2020.

Mas basta ficar de olho no anúncio da companhia que todas as datas são definidas. Além disso, depois você acompanha todos esses pagamentos na ferramenta “Eventos da Carteira” no app do Gorila. 

Dividendo alto é um bom sinal?

Segundo a Lei das S/As de 1976 (Lei nº 6.404), as empresas listadas na Bolsa de Valores que tiverem lucro líquido devem distribuir uma porcentagem dele entre os acionistas. Não existe um percentual mínimo obrigatório do lucro que deve ser dividido entre os investidores, mas as empresas costumam distribuir em torno de 25% do lucro líquido ajustado. 

As companhias podem ainda, ao invés de distribuir os dividendos, reinvestir parte do lucro para melhorias internas. É interessante dizer que um dividend yield (DY) alto nem sempre indica bons retornos para o acionista ao longo prazo. O valor do DY é obtido pela divisão dos dividendos pagos por ação pela cotação atual da ação. 

Às vezes, os papéis pagam bons dividendos porque não têm muitas chances de crescimento, como por exemplo as empresas do segmento de energia elétrica por terem limitação de crescimento pelos limites geográficos impostos pela concessão pública desse serviço. 

Já o DY baixo pode ser sinal de que ela está reinvestindo uma parte para o crescimento da empresa. Se aumentar muito num curto espaço de tempo pode indicar que a empresa poderá ter problemas financeiros no futuro. Essa distribuição, às vezes, pode estar sendo paga pelo caixa e não pelos lucros. 

Porém, na hora de avaliar uma ação é preciso olhar não apenas o dividend yield, mas também outros fatores fundamentalistas para entender a saúde financeira da empresa. 

Leia também 

Análise fundamentalista: tudo o que você precisa saber

Confira o significado do código de ações

IPO 2021: conheça as estreantes na Bolsa

Melhores ações 2021: acompanhe mês a mês

O que é e como funciona o pagamento de dividendos na bolsa de valores?

No Gorila, você acompanha tanto a rentabilidade dos investimentos quanto o pagamento de proventos, além de ficar por dentro dos nossos artigos e descobrir novidades sobre o mercado. 

Gostou de saber quais foram as melhores pagadoras de dividendos em 2021? Então, siga nossas mídias para não perder as próximas matérias: Facebook, Instagram, Twitter , Linkedin e Telegram

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais