SRV Banco Central: como consultar e onde investir dinheiro esquecido

Criado pelo Banco Central, o SRV permite o resgate de saldos de contas que foram encerradas ou restituição de cobranças indevidas.
SVR Banco Central
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Você, por um acaso, tem dinheiro esquecido em algum banco? A pergunta pode parecer descabida, mas muitos brasileiros simplesmente esqueceram quantias em instituições financeiras. Mais precisamente os brasileiros deixaram de sacar cerca de R$ 8 bilhões. Dá para acreditar? Foi por isso que o Banco Central (BC) criou o Sistema Valores a Receber (SVR). 

Quer saber mais sobre o assunto e se você tem dinheiro a receber em algum banco? Continue lendo este artigo!

O que é o SVR?

Primeiramente, vamos começar explicando o que é essa nova sigla do mercado. O Sistema Valores a Receber (SVR) é uma ferramenta criada pelo Banco Central (BC) que mostra se clientes de instituições financeiras têm valores remanescentes a receber.

Segundo o órgão, os brasileiros esquecem R$ 8 bilhões em bancos, mas na primeira fase do serviço estão disponíveis cerca de R$ 3,9 bilhões para devolução.

Muitas pessoas sequer sabem que tem direito a esse dinheiro. Geralmente, os valores a receber podem ser de saldos esquecidos em contas correntes ou poupanças encerradas e não sacadas, cobranças indevidas de tarifas ou de obrigações de crédito com Termo de Compromisso assinado com o BC, cotas de capital e rateio de sobras líquidas de associados de cooperativas de crédito e grupos de consórcio extintos.

Tamanho foi o interesse dos brasileiros descobrirem se tem direito a alguma graninha que logo após o BC divulgar o sistema, no dia 24 de janeiro, o site saiu do ar em menos de duas horas por conta de tanto acesso. 

Desde então, os cidadãos estão na expectativa de saber se há quantia a ser recebida. É o seu caso?

Como saber se tenho dinheiro em algum banco?

Ficou curioso para saber se tem saldo de alguma conta do passado? A partir do dia 14 de fevereiro, você deve acessar o site https://valoresareceber.bcb.gov.br/ para saber se possui valores a receber no SVR do Banco Central. 

Basta inserir o seu CPF ou CNPJ para consultar se tem valores a ser recebidos. Após a consulta, você saberá na hora se tem direito a receber valor de alguma instituição financeira. 

Em caso positivo, você receberá a data para conhecer esses valores, porém só será possível solicitar a transferência a partir do dia 7 de março. Além disso, o BC recomenda que o cidadão volte ao site na data informada. Caso a pessoa não compareça nessa data, será preciso fazer uma nova consulta para receber uma nova data para pedir o resgate.

Muito cuidado para não cair em golpes! Todas as consultas serão feitas apenas pelo site citado – https://valoresareceber.bcb.gov.br/

Onde investir o valor recebido do SVR do Banco Central?

Todo dinheiro é bem-vindo, ainda mais numa hora dessas sem esperar. Aproveite para investir esse dinheiro esquecido no banco e garanta uma rentabilidade extra. 

Vamos te mostrar algumas opções.

Tesouro Direto

Com a nova alta da taxa Selic, fixada agora em 10,75% a.a, o Tesouro Selic pode ser uma boa oportunidade para render a graninha recebida do BC. Essa forma de investimento tem liquidez diária, isto é, você pode sacar o valor assim que desejar. 

É ideal para compor sua reserva de emergência assim você não passa por apuros financeiros. 

Já os títulos do Tesouro Pré-fixados estão pagando taxas de até 11,54%. São indicados para metas de médio prazo, quando você pode esperar de 3 a 5 anos para fazer o resgate. 

E quem visa deixar o dinheiro esquecido rendendo por um período maior pode pensar no Tesouro IPCA. Esse investimento garante o poder de compra com o passar do tempo e ainda paga uma taxa fixa equivalente a uma rentabilidade real

Há, por exemplo, título de Tesouro IPCA + 5,65% com vencimento em 2035, sendo que a aplicação mínima é de R$ R$ 36,86. 

Tabela com os títulos e rentabilidade do Tesouro Direto
Página do Tesouro Direto onde são exibidos os preços e taxas dos títulos comercializados, em fevereiro de 2022 (Reprodução: Tesouro Direto).

CBD

Do banco para o banco? E que tal pegar o dinheiro que estava esquecido e colocá-lo de volta na instituição financeira só que dessa vez rendendo pra você? 

Ainda na parte de investimentos em renda fixa, o investidor encontra os CDBs como forma de aplicar uma graninha. 

Com a Selic atual, é possível encontrar títulos pagando um rendimento de 120% do CDI até 13% ao ano, com vencimento em 2027. 

Saiba mais: 

Entenda a diferença entre CDB e CDI

Fundos imobiliários

Misturando renda variável e fixa estão os fundos imobiliários (FIIs). O ativo é negociado na Bolsa de Valores, porém garante ao investidor um rendimento todos os meses como se fosse um aluguel. 

O investidor ganha tanto com a valorização da cota quanto do dividendo mensal. Segundo dados do boletim mensal da B3, em novembro de 2021, o número de pessoas que aplicam em fundos imobiliários chegou a pouco mais de 1,5 milhão. 

Leia também:

Top 10 fundos imobiliários 2021: veja os melhores

Se investir o SVR do Banco Central em FIIs, receberá dividendos e verá pelo app do Gorila
Tela do Gorila exibindo a ferramenta de Eventos da Carteira que consolida o recebimento de dividendos e outros proventos dos investimentos

Ações

Mesmo que a quantia a ser recebida seja pequena, uma alternativa é começar a investir na Bolsa de Valores. No mercado fracionário, o investidor pode comprar apenas uma ação, que pode ser negociada até mesmo por menos de R$ 1 – são as chamadas Penny Stocks

Um dado interessante é que, aproximadamente, 56% dos clientes da B3 têm uma renda mensal de até R$ 5 mil e só aplica R$ 50 em seu primeiro aporte.

Criptomoedas

Já quem quer se expor a uma maior volatilidade pode investir em criptomoedas. A lista é enorme, sendo encabeçada pela mais famosa de todas – Bitcoin, porém o leque inclui opções como Litecoin, Ethereum e Ripple. 

Dados da FGV mostram que metade dos investidores começaram nesse segmento entre 2020 e 2021. O interesse vem com as vantagens oferecidas pelas criptos, como a descentralização, baixo custo operacional e, principalmente, potencial de valorização – ainda que o mercado seja extremamente volátil. 

Saiba mais sobre o tema:

O que é e como investir em Criptomoedas

Criptomoedas: Bitcoin x Ethereum x Litecoin – Entenda as diferenças

Resgatar, investir e controlar pelo Gorila

Em alguns casos, os saldos a receber do Sistema Valores a Receber (SVR) do Banco Central podem ser de pequeno valor, mas o órgão orienta o cidadão a sacar o dinheiro que lhe pertence.

Feito isso, chega a hora de investir essa quantia para fazer o dinheiro trabalhar por você. Nesse momento, o Gorila te ajuda a acompanhar como está a rentabilidade de todos os seus ativos, sejam CDB, ações, fundos, criptos ou investimentos no exterior. 

Depois de resgatar o dinheiro do SVR do Banco Central, você controle seus ativos na tela do Gorila
Dashboard do Gorila exibindo a rentabilidade e distribuição de ativos da carteira.

Curtiu o conteúdo? Então, compartilhe esse artigo com os amigos através das nossas redes sociais: Facebook, Instagram, Twitter , LinkedIn e Telegram

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais

melhores etfs 2022
comparativos

Confira os melhores ETFs de 2022

Índices que refletem o Ibovespa e aqueles que replicam o desempenho de empresas pagadoras de dividendos foram os melhores ETFs do semestre.

ações

Melhores ações maio 2022: altas e baixas

O Ibovespa encerrou o mês passado com alta de 3,22%. Entenda o contexto desse período e veja quais foram as piores e melhores ações de maio de 2022.