Como os bancos lucram com investimentos e empréstimos

Com faturamentos recordes a cada ano, os bancos visam captar recursos e emprestá-los com juros para outras pessoas
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

SOUNDTRACK PARA OUVIR COM ESTE POST

Você já deve ter se perguntado como os bancos lucram. Não é difícil ver nos jornais o quanto os bancos faturam e batem recordes a cada ano.

Só pare se ter uma ideia, em 2018 os três maiores bancos conseguiram 56,951 bilhões em lucros (veja detalhes abaixo). É muito dinheiro! De acordo com o Banco Central (BC), os motivos para esse crescimento se deve a queda no número de calotes, aumento dos ganhos com tarifas bancárias e cartões, fora a diminuição dos gastos com agências e funcionários. 

Ranking do lucro dos bancos em 2018

1º) Itaú – R$ 25,700 bilhões

2º) Bradesco – R$ 19,085 bilhões

3º) Santander – R$ 12,166 bilhões

Mas afinal, como os bancos lucram com investimentos e empréstimos?

Como sabemos, banco é o local no qual você deixa o seu dinheiro. Melhor dizendo, não só deixa como pode investir em aplicações como CDB, LCs, previdência privada, entre outros. Você também já sabe que utilizando o Gorila fica ainda mais fácil acompanhar os investimentos e ver o quanto eles estão rendendo, né?

Pois bem, quando você abre uma conta no banco, a instituição financeira fica responsável pelo seu dinheiro. Mas ela não deixa o seu din din parado. Os bancos, sejam públicos ou privados, visam captar recursos com fulano e emprestá-los com juros a ciclano. Essa prática gera a margem de ganho conhecida como spread bancário, que nada mais é do que a diferença entre as taxas de juros pagas e cobradas.

Segundo pesquisa do Procon-SP realizada em março de 2018, as taxa média de juros para empréstimo pessoal foi de 6,26% a.m., enquanto a taxa média do cheque especial chega a 13,40% a.m.. É juros que não acaba mais! A tabela* abaixo mostra a taxa média mensal e anual de cada uma das modalidades de empréstimos.

Taxas %
Empréstimo Pessoal Menor taxa a.m 5,24%
Maior taxa a.m 7,89%
Taxa média mensal 6,26%
Taxa média anual 105,90%
Taxas %
Cheque Especial Menor taxa a.m 12,60%
Maior taxa a.m 14,93%
Taxa média mensal 13,40%
Taxa média anual 352,31%

* Fonte: Procon-SP – Bancos considerados para cálculo das taxas de juros: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander.

Além dos empréstimos e investimentos já citados, os bancos também oferecem  outros serviços para seus clientes como por exemplo poupança, financiamento de automóveis e casa, câmbio de moedas internacionais. Todos esses serviços possuem taxas que também geram receita para os bancos. Ainda existem as tarifas para manutenção de conta, DOCs e outros serviços que correspondem a 20% do lucro dos bancos.

Para ficar mais claro veja esse exemplo: Uma aplicação na poupança rende por mês cerca de 0,5%, já a taxa de juros mensal de um empréstimo pessoal varia em torno de 5%. Viu só a diferença?

Se você aplicar R$ 10.000 na poupança daqui um mês terá um rendimento total de R$ 10.050 enquanto que se recorrer a um empréstimo deverá pagar aproximadamente R$ 10.500 à instituição financeira no final do mês.

Porém, há algumas instituições que fazem essa ponte entre quem precisa de dinheiro e quem empreste de uma forma digamos mais democrática. Funciona da seguinte forma, uma pessoa pode investir em emprestar dinheiro para outras e ainda ganhar juros. Isso leva o nome de Empréstimo P2P (Empréstimo de Pessoa para Pessoa). Assim, o investidor recebe todo mês a parcela que o seu tomador pagar com um rendimento bem maior do que os investimentos convencionais – mas vale olhar todas as regras dessa modalidade para saber o que está fazendo e não ficar com dúvidas. Fique de olho no Gorilando que a gente ainda vai explicar mais sobre esse assunto nos próximos artigos…

Viu só de quantas formas os bancos lucram? E se você ficou com alguma dúvida, pode deixar um comentário no Facebook, Instagram, Twitter e Linkedin!

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais