Veja as novas regras para abertura de contas nos bancos

Dentro das novas regras, a abertura e o encerramento das contas pode ser feito por meios eletrônicos, como páginas na internet e aplicativos de celular.
abertura de contas
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Já estão em vigor as novas regras para abertura de contas nos bancos. Em setembro, o Conselho Monetário Nacional (CMN) publicou a resolução nº 4.753 com objetivo de modernizar o processo. Quer saber o que mudou? Então é só continuar a leitura.

Você já deve ter passado por essa situação: ir até uma agência bancária, pegar fila, entregar uma papelada para abrir uma conta, não é mesmo? A partir da resolução, as instituições bancárias podem agora determinar, segundo suas próprias políticas de negócios e de acordo com o perfil de cada cliente, quais documentos o cliente terá de enviar para começar seu relacionamento com cada banco. 

Sabe o que isso significa? Que não há mais documentação mínima que deve ser exigida pelos bancos na abertura de contas. Cada banco pode definir quais documentos solicitar. 

Dessa forma, os bancos podem usar, ao invés de documentos físicos e comprovantes de residência, dados de georreferenciamento (com o consentimento do cliente), redes sociais e identificação facial. 

Leia também

Conheça bancos que têm conta para MEI

Como os bancos lucram com investimentos e empréstimos

Já em relação à abertura e ao encerramento das contas correntes, a resolução 4.753/19, em vigor desde 1º de janeiro deste ano, estabelece que isso pode ser feito por qualquer canal de atendimento disponível na instituição financeira, inclusive por meios eletrônicos, como páginas na internet e aplicativos de celular. Só não é possível realizar essas duas operações por ligação telefônica. 

Outro ponto positivo da medida é o que determina que bancos encerrem as contas de depósito em um prazo máximo de 30 dias a partir do pedido do cliente. Além disso, o fechamento de contas poderá ser feito pelo mesmo canal usado pelo cliente quando fez a abertura. 

Com tantas opções de bancos digitais surgindo, essa novas regras vêm de encontro para melhorar os serviços, facilitando o acesso de novos clientes e trazendo maior competição ao setor. Isso abre espaço para que fintechs e bancos tradicionais atuem nas mesmas condições. 

Só para dar uma contextualizada, segundo o Radar FintechLab, entre agosto de 2018 e julho de 2019, o número de fintechs em operação passou de 453 para 604, representando um salto de 33%. 

Diz para o Gorila se você gostou das novas regras para abertura de contas. Já abriu conta sem precisar ir em uma agência? Conta para gente como foi a experiência. 

Saiba mais

Roxinho, azul, verde…Há uma infinidade de bancos digitais e você pode conferir alguns deles nas nossas resenhas

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais

Serena Williams
investimentos

7 dicas da Serena Williams para inspirar o investidor

Serena Williams esteve na Expert XP, maior festival de investimentos do mundo, para falar do seu lado como investidora. A norte-americana contou mais sobre a sua experiência com venture capital e investimentos em startups. Confira as dicas dadas pela maior tenista da história!