Drawdown: O que é e por que é importante analisar?

Drawdown: entenda o que esse parâmetro de volatilidade representa e como ele pode ajudar a escolher onde investir.
drawdown
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Em toda análise estratégica, deve-se levar em consideração o risco de uma operação. Um dos parâmetros mais utilizados para medir a volatilidade de um ativo é o drawdown.

Quer entender o que o drawdown e como ele pode te ajudar a investir melhor? Continue neste artigo que vamos te explicar tudo em detalhes, além de mostrar qual foi o drawdown do Índice Ibovespa na crise da pandemia do coronavírus e o máximo drawdown em toda série histórica do Ibovespa.

O que é e para que serve o drawdown?

Drawdown indica quanto foi a queda do valor de um ativo em relação a sua cotação máxima. Assim, o drawdown representa a porcentagem da queda desde o mais recente ponto máximo de lucro, o qual é sujeito a acumulação.

Observá-lo é essencial para definir e monitorar estratégias de investimento, por indicar o quão estável ou instável se mostra um ativo.

Isso porque o drawdown é um indicador útil para comparar a volatilidade histórica de diferentes investimentos. Quanto menor o drawdown, maior a estabilidade do ativo, e vice-versa.

Assim, se o risco for alto demais, é recomendado ajustar a estratégia, ou proteger com mecanismos como as ordens stop loss.

Saiba mais

O que é Stop Loss e Stop Gain

Como calcular o drawdown?

O cálculo tem a seguinte fórmula:

Drawdown = (Valor máximo – Valor mínimo) / Valor máximo

Sendo que:

  • Valor máximo = a cotação mais alta de um ativo em um série histórica, ocorrida antes do vale;
  • Valor mínimo = a cotação mais baixa de um ativo em uma série histórica, ocorrida após o pico.

Drawdown na prática

Suponha um ativo que começou valendo R$ 5,00, atingiu cotação máxima de R$ 20,00, caiu para R$ 15,00 e agora está cotado em R$ 18,00. 

Assim, o pico deste ativo foi a R$ 20,00 e o vale foi R$ 15,00. Portanto, o drawdown no período foi de 25%.

Drawdown do Ibovespa

Veja a seguir o gráfico do drawdown do índice Ibovespa entre o primeiro dia útil de 2020 (02/01/2020) e o último dia de julho (30/07/2021).

Note que o ponto máximo do eixo vertical é 0%, que ocorre no momento em que o ativo em questão zerou as perdas ante o ponto máximo inicial da série.

Drawdown apresenta queda no início de 2020 e alguns picos durante 2021
Gráfico do drawdown acumulado do Ibovespa no período de 02/01/2020 a 30/07/2021

Entre essas datas:

  • O primeiro ponto máximo no dia 23/01/2020: Ibovespa aos 119.527,63 pontos 
  • O ponto mínimo foi dia 23/03/20: Ibovespa aos 63.569,62 pontos
  • O término foi dia 07/01/2021: Ibovespa aos 122.385,92 pontos

 

Desta forma, o máximo drawdown é (119.527,63 – 63.569,62) / 119.527,63 = 46,82%

Além disso, o tempo de descida do máximo ao mínimo foi de apenas 40 dias úteis, enquanto o tempo recuperação foi de 199 dias úteis.

Leia também

Top 5 ações: veja as maiores altas e baixas

Máximo Drawdown 

É possível analisar o drawdown em diferentes períodos, mas o Máximo Drawdown (MDD) corresponde à porcentagem máxima de queda de toda a série de dados. 

Algumas considerações importantes a serem levadas em consideração na análise do MDD:

  • Fique atento ao período de tempo considerado, pois comparar o MDD de dois fundos desde seu lançamento, sendo que um está aberto há apenas alguns meses e outro existente há anos, não é correto pois estaríamos considerando ambientes macroeconômicos distintos. 
  • O MDD é a maior queda entre dois períodos de alta. Mas isso não é um indicativo de tendência, uma vez que, quando comparando duas ações, uma pode ter uma grande oscilação e estar em um movimento direcionado à queda há muito mais tempo, enquanto outra pode ter sofrido uma queda exagerada pontual.

 

Por isso, ao analisar o Maximum Drawdown é importante também analisar a duração do período até a recuperação, o dia em que a queda começou e o dia em que a queda terminou.

Máximo Drawdown do Ibovespa

Analisando toda a série histórica disponível, desde 02/01/1968 até 30/07/2021, o início do Máximo Drawdown foi no dia 25/04/1986 e a data do Máximo Drawdown foi no dia 10/02/1987.

O valor do Máximo Drawdown do Ibovespa em toda série histórica foi de 72,85% e o índice se recuperou apenas no dia 02/02/1988, demorando quase 1 ano para se recuperar (fim do drawdown no dia 02/02/1988).

drawdown acumulado do Ibovespa trazendo grande escilação
Gráfico do drawdown acumulado do Ibovespa no período de 02/01/1968 a 30/07/2021

Relembrando um pouco da história, na época o Brasil sofria da hiperinflação e depois do colapso dos Planos Cruzado I e II, o governo de José Sarney em tentativa desesperada lançou o Plano Bresser, congelando preços e salários. O projeto foi um fracasso, pois de 65,04% em 1986, a inflação acumulada em 1987 foi para 415,83% e no ano seguinte foi para 1.037,56%.

Além disso, em 1987 houve o grande crash da NYSE, conhecido como black monday, quando o  índice Dow Jones despencou 22,6%. O pânico foi generalizado e no mundo todo bancos ficaram sem dinheiro para compensar os saques e tiveram de ser socorridos pelos bancos centrais nacionais.

A recuperação do Ibovespa ocorreu com a formação da Constituição de 1988, apelidada de cidadã, dada a sua característica democrática e liberal, que fundamentou a ordem econômica e os princípios do sistema financeiro nacional. 

Acompanhe no Gorila 

Já analisou a volatilidade dos ativos e já sabe onde investir? Acompanhe o resultado da sua carteira pelo Gorila. Lá você confere como foi a rentabilidade do período, os ganhos ou perdas que teve no patrimônio, além saber como está a volatilidade dos seus investimentos através do Índice Sharpe.

Relatório extraído da plataforma do Gorila trazendo informações sobre ganhos/perdas, volatilidade e patrimônio
Relatório extraído da plataforma do Gorila trazendo informações sobre o desempenho dos investimentos

Quer entender os motivos do desempenho do Ibovespa? No Telegram você acompanha as nossas análises de mercado, além de ficar por dentro das novidades da plataforma. O Gorila ainda está presente no Facebook, Instagram, Twitter, Youtube e Linkedin!

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais