Como funciona o mercado fracionário? Descubra!

Você já ouviu falar do mercado fracionário? Sabe como ele funciona? Então confira neste artigo mais informações sobre o assunto!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

Se você ainda acredita que, para investir no mercado de ações, precisa ter uma boa quantia de dinheiro é porque não conhece o mercado fracionário. Diferente do que muitos pensam, é sim possível fazer investimentos e operações na bolsa de valores a partir de pequenos aportes.

Saber que é possível investir no mercado de ações sem a necessidade de desembolsar valores altos é uma boa notícia para muitos investidores – especialmente para os iniciantes. Mas você sabe como este mercado funciona? 

Acompanhe o artigo e descubra como funciona e quais as vantagens de investir na Bolsa a partir do mercado fracionário. Confira!

Mercado de ações a vista x mercado fracionário: qual a diferença?

Quando as pessoas falam sobre investimento na bolsa de valores, geralmente se referem ao mercado de ações à vista – que é o mais conhecido. É esse mercado que é, muitas vezes, associado ao mito de que se faz necessário ter muito dinheiro para investir. 

Existem diversos investimentos que podem ser feitos com valores acessíveis, mas o mercado de ações acaba, muitas vezes, exigindo quantias maiores – que, em diversas situações, estão distante das possibilidades do investidor iniciante. 

Isso ocorre porque, nesse caso, você deve comprar ações por lotes. Ou seja, comprar uma quantia de ações mínima de uma empresa que tem capital aberto na bolsa brasileira.

É possível encontrar lotes de cem, mil, dez mil e até cem mil ações da mesma empresa, sabia?

Dessa forma, faça um cálculo hipotético: se você decidir comprar uma determinada ação em um lote de 100 ações no mercado, com cada papel valendo 50 reais, você teria que desembolsar 5 mil reais para comprar esse lote.

Para aqueles que não têm dinheiro ou desejam começar com pouco, pode ser muito dinheiro a ser despendido de uma vez só. Felizmente, há como investir com valores menores pelo mercado fracionário. 

O que é e como funciona o mercado fracionário?

De maneira simples, o mercado fracionário é aquele no qual há a possibilidade de negociar unidades de ações dos lotes negociados no mercado de ações à vista. Ou seja, as ações são negociadas unitariamente, sendo possível vender entre 1 e 99 ações. 

É uma possibilidade para os iniciantes e pequenos investidores terem a oportunidade de participar do mercado de ações. E fazer seus investimentos ou operações sem, necessariamente, precisar comprar um lote mínimo de ações.

No mercado de ações à vista, a quantidade mínima que pode ser comprada em um lote, como você já sabe, é de 100 ações. Não há como comprar quantidade menor que essa. 

Além disso, é importante destacar que, no mercado à vista, os lotes sempre são vendidos em múltiplos de 100 (ex: 200, 300, 500,10.000, etc.). Portanto, se a sua vontade for comprar menos que 100 unidades ou em frações diferentes dos centos, será preciso negociar no mercado fracionário. 

Fazer esta compra é bastante simples. Basta adicionar um F no final do ticket da ação que deseja adquirir e você estará, neste momento, visualizando as oportunidades disponíveis para negociação no mercado fracionário.

Quais as vantagens do mercado fracionário?

Esse mercado tem muitas vantagens. Veja algumas delas a seguir.

Acessibilidade

Por permitir a compra de ações por unidade, o mercado fracionário se torna mais acessível para investidores iniciantes e para aqueles que não possuem um grande capital para investir seu dinheiro no mercado de ações à vista. Nesse mercado, portanto, a possibilidade de começar com valores baixos é muito maior. 

Aprendizado na prática

Investidores iniciantes ou com perfil mais conservador e que tenham medo de desembolsar um valor alto no mercado de ações à vista poderão utilizar o mercado fracionário para aprender sobre o assunto e ver como se dá o seu funcionamento na prática.

É uma excelente opção para iniciar seus investimentos na bolsa de valores, para adquirir confiança e perder o medo. Assim, o investidor poderá começar com pouco e, conforme o tempo passa, com muita determinação e consistência, poderá iniciar seus planos de aportes frequentes – visando a independência financeira.  

Diversificação do portfólio de ações

Quem compra ações por lotes e não tem muito dinheiro acaba se limitando a ter lotes de ações somente de uma ou duas empresas. A desvantagem é que, dessa forma, sua carteira não será diversificada – correndo maiores riscos de perder o investimento caso a empresa desvalorize ou suas ações tenham alguma variação negativa. 

Já no mercado fracionário, uma vez que você tem a possibilidade de investir seu dinheiro em ações unitárias, pode investir em diversas empresas – ampliando sua carteira de investimento e reduzindo sua exposição aos riscos de mercado.

Compras recorrentes

Imagine que você tenha um capital bem limitado nesse momento. Se voce gastou 5 mil reais em um lote e não possui mais dinheiro no momento, essa será a sua única compra do mês ou até conseguir mais capital para investir novamente, não é mesmo?

No mercado fracionário, se você comprou algumas ações e no final do mês sobrou um determinado valor, seja 50 ou 100 reais, você terá a possibilidade de comprar mais ações – destas ou de outras empresas. 

Além disso, uma vez que o montante necessário para compra de ações é menor, você poderá adquirir pequenos montantes de ações de maneira recorrente – compondo, mês após mês, uma carteira de ações cada vez maior. Tudo isso sem precisar investir altas somas de dinheiro a cada aporte.

Como investir no mercado fracionário?

Depois do que aprendeu até aqui, você deve ter percebido que é bem simples investir no mercado fracionário. Você comprará as ações em unidades no mesmo ambiente em que são negociadas as ações em lote das companhias que você escolheu. 

Vale repetir que, na hora de comprar essas ações em unidade, você deve colocar a letra F no final do código do ativo. É só escolher o ativo e indicar a quantidade que você deseja adquirir. 

Vale a pena investir no mercado fracionário?

O mercado fracionário pode valer a pena para qualquer tipo de investidor. Como mencionado, é uma opção interessante, especialmente para aqueles iniciantes e com capital limitado investirem na bolsa de valores. 

Tanto os principiantes quanto os mais experientes podem utilizar-se dessa modalidade para diversificar sua carteira de ações.  O mercado fracionário pode e deve ser usado como “escola” para os que estão nos primeiros investimentos.

Contudo, é preciso ter atenção nos custos de cada operação. Lembre-se que cada compra de ações resulta em custos – como os emolumentos e corretagem. Por isso, vale a pena verificar todas as taxas que incidirão sobre seus aportes antes de tomar sua decisão.

E você, já conhecia o mercado fracionário? Conheça agora os mecanismos de proteção na bolsa de valores e dê continuidade aos seus estudos!

Controle seus investimentos com o Gorila

Não perca mais tempo com tabelas e planilhas. Conheça uma nova forma de acompanhar a rentabilidade da sua carteira de investimentos.

Controle seus investimentos com o Gorila

E tenha a plataforma mais completa para acompanhar a sua rentabilidade de forma rápida, fácil e transparente.

Leia mais

Leia mais

corretoras para investir no exterior
ações

Conheça 11 corretoras para investir no exterior

O Itaú comprou a Avenue, uma das principais e mais conhecidas corretoras para investir no exterior. Mas o promissor mercado de investimentos internacionais conta com diversas opções de plataformas, que atendem tanto investidores inexperientes quanto avançados. Conheça 11 corretoras para negociar ativos em dólar e diversificar a carteira!